Select Menu
Select Menu

Noticias

Games

Entretenimento

Tecnologia

Ciência

Análises

Humor

Vídeos

Especial

» » » E se Hitler tivesse vencido a 2ª Guerra?


Fabricio Piton Prior 15:57 19





se Hitler tivesse vencido a segunda guerra







segunda guerra mundial
A idéia de que Hitler pudesse concretizar seus planos megalomaníacos hoje soa absurda. Mas os alemães estiveram perto de ganhar a guerra. Tanto que o historiador inglês Stephen Ambrose atribui a derrota dos nazistas a um meteorologista escocês. Ele chamava-se J.M. Stagg e fazia a previsão do tempo para as tropas aliadas. No dia 5 de junho de 1944, apesar da tempestade que castigava a costa francesa, ele garantiu que o céu abriria mais tarde.

Foi um chute, pois o clima naquela região é tão instável que até hoje os satélites erram metade das previsões. Mas Stagg acertou. Se a chuva continuasse, os soldados que desembarcaram na França na manhã seguinte – o Dia D – chegariam à costa enjoados, incapacitados para lutar. E não haveria visibilidade para soltar pára-quedistas ou bombas. Resultado: a operação para libertar a França seria um fiasco.

Por outro lado, o historiador militar inglês John Keegan acredita que Hitler perdeu sua chance de vencer 3 anos antes, em 1941. Nessa época, quase toda a Europa estava em suas mãos ou na de seus cúmplices italianos e simpatizantes espanhóis. Animado, o ditador encarou de frente a Rússia e foi derrotado pelo inverno. Keegan argumenta que Hitler poderia ter optado por uma invasão indireta. Ele entraria fácil na Turquia e de lá estenderia seus tentáculos pelo Oriente Médio. Garantiria, assim, um suprimento inesgotável de petróleo para suas tropas. Depois, tomaria o sul da União Soviética, onde o inverno não é tão cruel. E deixaria Stálin sem suas maiores reservas petrolíferas.

se Hitler tivesse vencido a segunda guerra“Daí para a frente, seria fácil conquistar a Rússia e depois a Índia, então colônia inglesa”, diz Keegan. Enquanto isso, seus aliados japoneses ocupariam a China, ligando o Japão à Alemanha. E não pararia por aí. “A Inglaterra é pouco populosa e pobre em recursos naturais”, afirma Keegan. Sem suas colônias, viraria presa fácil. Na época, boa parte da África era colônia européia e acabaria nas mãos do führer.

Resultado: antes mesmo de 1950, o “império nazista” já teria se estendido por Europa, Ásia e África – mais do que os Impérios Romano e Mongol somados. “Seria um mundo de duas classes”, diz Christian Lohbauer, especialista em história alemã, da USP. Os arianos, considerados superiores, mandariam. Eslavos, negros e asiáticos virariam cidadãos menores. Outros povos, como judeus e ciganos, seriam dizimados.

É bem possível que nem assim os nazistas sossegassem. “Eles dependiam da guerra”, diz Lohbauer. “As empresas alemãs cresceram fornecendo equipamento para o Exército e precisavam da mão-de-obra escrava dos prisioneiros.” Ou seja: continuariam invadindo país após país para manter esse esquema. Iriam para o Pacífico e de lá para a Oceania. “Podemos ter um século de luta à nossa frente”, disse Hitler certa vez. “Antes isso do que ir dormir.”

Assim, ele esbarraria nos interesses de outra potência: os EUA. “Não permitiríamos que eles se apoderassem da América Latina”, afirma o americano Robert Cowley, fundador da revista Militar History Quarterly, especializada em história militar.
Neste cenário, a Guerra Fria teria ocorrido entre Alemanha e EUA. “Mas o mais provável seria uma guerra quente mesmo”, diz Keegan. E o palco seria a América Latina. A luta duraria para sempre? “Acho difícil”, diz Cowley. “O império nazista baseava-se numa figura carismática. Uma hora Hitler morreria. Quem o substituiria?”

se Hitler tivesse vencido a segunda guerra


Depois da morte do ditador, os oprimidos iriam se rebelar e o império se despedaçaria. Chegaríamos ao ano 2000 nos reerguendo dos destroços. É bem possível que a ciência estivesse estagnada, depois de décadas torrando dinheiro em bombas. A informática seria primitiva. E a internet não existiria: regimes autoritários, que dependem do controle da informação, impediriam que ela se difundisse. Na próxima vez que navegar na rede mundial de computadores, agradeça, portanto, àquele sortudo meteorologista escocês.

O filme "Nação do Medo (baseado no romance de Robert Harris, chamado Fatherland)", mostra como seria um mundo em que Hitler tivesse vencido a 2ª Grande Guerra Mundial. 

Postado por Mago Nerd

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

19 comentários E se Hitler tivesse vencido a 2ª Guerra?

  1. Texto muito interessante, o site esta de parabéns.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vlw Kassiano!
      Estamos tentando melhorar cada vez mais! Obrigado por acompanhar o Mago Nerd!

      Grande abraço!

      Excluir
  2. Ótima postagem, vou complementar dizendo:

    Durante a guerra, a Argentina paquerou o nazismo. Se Hitler tivesse ganho a guerra, os hermanos certamente seriam nazistas ou um forte aliado do nazismo na América do sul assim como o Japão foi na Ásia, fazendo com que a nossa rivalidade ultrapassasse o futebol.
    E Maradona seria proclamado mundialmente como o "Rei do futebol". Que coisa terrível, não?!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sejamos hipócritas.
      Se a Argentina paquerou o Nazismo o Brasil esteve de maos dadas cpm o Fascismo. E dizer que o mundo cairia nma segunda Idade das Trevas é impreciso.

      Excluir
    2. se futebol fosse algo importante ai sim seria terrivel...

      Excluir
    3. Alexandre, vc tem razão ao dizer que o Brasil andou de mãos dadas com o Fascismo pois Getúlio tinha realmente algumas convicções fascistas, mas esqueceu de um detalhe realmente importante... O brasil ENTROU na guerra do lado aliado, portanto era inimigo nazista e isto não seria perdoado de modo algum, ao contrário da Argentina que se manteve neutra.

      Excluir
  3. O Dia D não mudou o panorama da Segunda Guerra Mundial. Mesmo com a operação concluída, caso a Alemanha tivesse vencido a URSS no front oriental, a vitória dos Aliados seria mais complicada, mas não impossível, pois Hitler cometeu muitos erros despercebidos quando ganhava batalha por batalha no início da guerra, e isso acabou tendo um peso grande depois.

    ResponderExcluir
  4. Bela matéria, sempre tive essa curiosidade de como seria, se tal fato acontecesse.

    ResponderExcluir
  5. Perfeito !!!!
    - tarcio_over@hotmail.com

    ResponderExcluir
  6. muito boa postagem o führer devastaria cada país q estivesse em seu caminho e não duvido que o Brasil seria um deles devido sua riqueza natural mais ainda bem que os aliados venceram mais pra mim quem foi mais importante para a vitória foi a urss sem ela hitler venceria fácil viva a União das Repúblicas Socialistas Soviéticas que salvaram o mundo de um futuro sombrio nas mãos do ditador alemão Adolf Hitler

    ResponderExcluir
  7. Uma coisa que não entendo até hoje é que muitos atribuem a vitória aos "Aliados" (EUA, Reino Unido e Resistência Francesa), se esquecendo que a vitória sobre a Alemanha Nazista veio por parte da União Soviética em 1942, quando triunfaram em Stalingrado. A partir desse momento que Hitler investiu a maior parte de seu arsenal bélico nesta direção deixando o mínimo para os "Aliados triunfarem nas praias francesas". O incrível é que ninguém fala a verdade sobre a vitória ser da União Soviética na Segunda Guerra Mundial.
    PS: União Soviética chegou a Berlin, fazendo Hitler e o alto comando se matar.
    Os "Aliados" chegaram nos últimos dias da guerra na fronteira alemã, não sentiram nem o gosto de pisar no solo alemão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. concordo plenamente, e outra coisa é que depois da guerra todas as atrocidades foram atribuídas aos alemães, depois da queda do muro, também aos soviéticos, mas sei que a hoje chamada"OTAM"também praticou crueldades até mesmo com os judeus, inclusive esses países q vc citou se recusaram a dar asilo aos semitas, quando hitler os escurrassou da Alemanha, pq mandaram um navio buscar Einstein e não fizeram o mesmo para os outros? Pq salvaram os cientistas bélicos responsáveis por inúmeras armas de destruição em massa(como aquelas q sadan supostamente tinha posse).

      Excluir
    2. Todos tiveram sua importância. Várias batalhas foram decisivas...

      Teve a Batalha da Grã-Bretanha. Se os nazistas tivessem êxito nessa batalha, não teria como acontecer a batalha da Normandia, já que vieram da Inglaterra..

      Batalha de Guadalcanal, Batalha de El Alamein, Batalha de Okinawa e por ai vai... Todos foram de grande importância, e caso algum tivesse falhado, a história poderia ter sido diferente.

      Excluir
    3. Helpfixer, ué, mas a URSS também fazia parte dos aliados. Em qualquer livro de história está escrito que os russos venceram em Stalingrado e começou a virada no front europeu. Você é que está interpretando de forma crítica demais.

      Excluir
  8. Muitos fatores como citados causaram a derrocada germanica e tambem vale ressaltar que a entrada norte americana na guerra foi determinante devido ao ataque surpresa a base americana de pearl harbor no arquipelago do Havai,e tambem os EUA contavam com um tragico e deploravel alternativa se caso a guerra se arrastasse por mais tempo ,as bombas atomicas.
    Rafinha . vlew

    ResponderExcluir
  9. Muito show o texto. Me ajudou muito.

    ResponderExcluir
  10. Já li várias suposições sobre "SE" tivesse vencido a União Soviética ou invadido a Inglaterra, ou se a Alemanha já tivesse muitos submarinos ou aviões ME 262 no início da gerra, ou se o Japão tivesse vencido a batalha de Midway, concordo que seriam reveses seríssimos, mas creio que a bomba atômica viria para os Estados Unidos mais cedo ou tarde e daria a vitória a eles de qualquer jeito. A não ser que de alguma forma impedisse a logística para a fabricação da bomba.

    ResponderExcluir
  11. Na realidade o dia D foi mais propaganda do que fato pois os nazistas já estavam sendo dizimados no leste, a URSS derrotou a Alemanha praticamente sozinha, o dia D foi necessário pois se naõ toda a europa cairia nas mãos dos comunistas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas a URSS tiveram muito apoio material dos EUA. Li num livro uma vez que foram imprescindíveis os envios de toucinho por exemplo porque as lavouras russas estavam devastadas.

      Excluir